Preparemo-nos: para o que vem

Preparemo-nos: para o que vem
Selvino Heck Deputado estadual constituinte do Rio Grande do Sul (1987-1990)

por Selvino Heck. Posso/podemos dizer que o governo eleito em 28 de outubro de 2018, que (ainda) não começou, já (quase) terminou? No final de outubro/início de novembro, depois do segundo turno das eleições presidenciais, escrevi ‘Elementos de conjuntura nos novos tempos’, com três cenários possíveis/prováveis para o próximo período. O primeiro, em resumo: “Haverá forte direitização em todos os sentidos,…

Continuar lendo Preparemo-nos: para o que vem

Esperanzar – Vozes Proféticas

Esperanzar – Vozes Proféticas
Selvino Heck Deputado estadual constituinte do Rio Grande do Sul (1987-1990)

“Vem, vamos embora/ que esperar não é saber./ Quem sabe faz a hora,/ não espera acontecer.” Nos tempos que correm, há que ter/ser vozes proféticas. Os profetas pregavam a verdade no deserto, muitas vezes, quase sempre, como voz solitária. Os profetas ouviam os clamores do povo, suas dores, seu sofrimento. Os profetas denunciavam os desmandos dos poderosos do tempo, as…

Continuar lendo Esperanzar – Vozes Proféticas

Sem Armas, Livros na Mão

Sem Armas, Livros na Mão
Selvino Heck Deputado estadual constituinte do Rio Grande do Sul (1987-1990)

por Selvino Heck. Fui criado numa casa/família onde tinha uma espingarda de dois canos, herança do meu avô alemão que nunca conheci. Papai usava a arma para caçar. Naqueles tempos, anos 1950/1960, eu criança/adolescente nas colônias da Linha Santa Emília, Venâncio Aires, interior do interior do Rio Grande do Sul, tinha onça nos muitos matos existentes então, tamanduás, pássaros e…

Continuar lendo Sem Armas, Livros na Mão

Preparemo-nos

Preparemo-nos
Selvino Heck Deputado estadual constituinte do Rio Grande do Sul (1987-1990)

por Selvino Heck Onde há/houver ódio, prego amor. Onde há/houver guerra, prego paz. Onde há/houver intolerância, prego o respeito à diferença. Onde há/houver morte, prego vida. Para quem viveu na ditadura militar e foi perseguido de diversas formas, ou sofreu as consequências da repressão e da censura, ainda outros/muitos que foram presos, assassinados, exilados, parece que a história do Brasil…

Continuar lendo Preparemo-nos

‘NUNCA DANTES!’- #EleNão!

‘NUNCA DANTES!’- #EleNão!
Selvino Heck Deputado estadual constituinte do Rio Grande do Sul (1987-1990)

por Selvino Heck Num país chamado Brasil, no ano da graça de 2018, aconteceu algo extraordinário. As mulheres brasileiras não só mostraram coragem, mas, principalmente, consciência política, capacidade de mobilização, amor à democracia. Nunca antes nesta ‘terra brasilis’ viu-se algo igual. Houve canto, houve alegria, houve mística, houve fraternidade. No Parque da Redenção em Porto Alegre, jovens mulheres misturavam-se com…

Continuar lendo ‘NUNCA DANTES!’- #EleNão!

O Grito

por Selvino Heck.  Há um Grito parado no ar. Não dá mais para segurar a explosão do Grito dos Excluídos e das Excluídas, dos historicamente sem vez nem voz. Gritam as dezenas de milhões de desempregados, subempregados, terceirizados, os que lutam todos os dias para comer e sobreviver. Gritam as mulheres sofrendo violência, sendo assassinadas impunemente, pisoteadas, esmagadas, e que…

Continuar lendo O Grito

O Debate, o Voto e a Rua

O Debate, o Voto e a Rua
Selvino Heck Deputado estadual constituinte do Rio Grande do Sul (1987-1990)

por Selvino Heck. “Estamos num momento de resistência e luta. Nestes momentos, surge a criatividade política, não nos momentos de bonança. Nada de depressão! Com depressão não vamos pra frente! Tomar um copo de vinho, tudo bem, mas não outras coisas” - (Eugenio Raúl Zaffaroni, no Colóquio promovido pelo IDP, Instituto Novos Paradigmas. ‘A QUESTÃO DEMOCRÁTICA E A MIDIATIZAÇÃO DO PROCESSO…

Continuar lendo O Debate, o Voto e a Rua

Mulheres e Homens Terra: Sociedade do Bem Viver

Mulheres e Homens Terra: Sociedade do Bem Viver
Selvino Heck Deputado estadual constituinte do Rio Grande do Sul (1987-1990)

A faixa estava aberta no alto, ligando um lado ao outro da estreita estrada de chão: ‘Mulheres e Homens Terra’. Sentados no meio da estrada, jovens meninas e jovens meninos, distantes uns dos outros por dois ou três metros, alimentavam plantas com terra, como se as estivessem plantando, olhar feliz, com todo amor e alegria. Romeiras e romeiros olhavam admirados,…

Continuar lendo Mulheres e Homens Terra: Sociedade do Bem Viver