A retaliação do lixo

A retaliação do lixo
Roberto Malvezzi

por Roberto Malvezzi (Gogó). São 332 barragens nas cabeceiras do Rio São Francisco. Cerca de 70% cheias de rejeitos da mineração. Basta estourar a de Congonhas do Campo, com rejeitos de metais pesados para minerar o ouro, que o Velho Chico estará morto por 100 anos, calculam especialistas da área. Então, Brumadinho e Marianna, que não mandaram aviso, avisaram que…

Continuar lendo

Internet x Escola Sem Partido

Internet x Escola Sem Partido
Roberto Malvezzi

por Roberto Malvezzi (Gogó). Se os pais querem mesmo controlar o que seus filhos aprendem nos tempos atuais, é melhor controlar o celular que o currículo escolar e seus professores. Na era da internet não pode haver maior estupidez que pretender controlar o pensamento humano. A Igreja Católica queimou livros na Idade Média – Fogueira das Vaidades -, Hitler no Terceiro…

Continuar lendo

Um Paulista Nordestino

Um Paulista Nordestino
Roberto Malvezzi

por Roberto Malvezzi (Gogó) Há quase 40 anos sai de São Paulo e vim morar no Nordeste, em Campo Alegre de Lourdes, extremos da Bahia com o Piauí. Vim com um grupo de amigos e todos estamos por essa região até hoje. Devo minha vida a Dom José Rodrigues e à Diocese de Juazeiro, que nos acolheram àquela época e…

Continuar lendo

Discernimentos para o momento atual

Discernimentos para o momento atual
Roberto Malvezzi

A filosofia nos ensinava que o “bom filósofo sabe distinguir”. Na Teologia o discernimento é um dom do Espírito Santo. Porém, discernir não é apenas um ato racional como quer a filosofia, mas buscar com reta intenção e reto coração o que é justo e bom. Então, vamos a alguns discernimentos para o momento atual brasileiro: Primeiro, todos os grandes…

Continuar lendo

O poder dos corruptores

Roberto Malvezzi (Gogó)

A Odebrecht montou um esquema estruturado de propina. Um delator denunciou que “havia um certo prazer de comprar”. Já não era sequer a velha prática das empresas de comprar agentes públicos conforme seus interesses, mas a satisfação de ver tanta gente “comer na mão”.

A prática existe há trinta anos, segundo Emílio. Ele fala rindo, sabendo que tem nas mãos a cabeça de muita gente. Portanto, outros governos também sucumbiram ao poder dos corruptores.

(mais…)

Continuar lendo

Denunciar Temer nas missas

Roberto Malvezzi (Gogó) Estávamos no auge do Regime Militar. A tortura e as mortes aconteciam sem que a sociedade soubesse. Então, num sábado à noite, D. Paulo Evaristo Arns foi celebrar uma missa na Igreja de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, Jardim Paulistano, São Paulo. Ali, numa roda miúda, nos disse que um jornalista tinha sido assassinado nas dependências do…

Continuar lendo
Fechar Menu