Nesp inicia nova campanha de formação política

Depois de ampla circulação de uma série de vídeos produzidos no primeiro semestre, o Núcleo de Estudos Sociopolíticos da PUC Minas e Arquidiocese de Belo Horizonte (Nesp) iniciou uma nova campanha voltada às eleições desde ano.

A nova série de cinco vídeos serão divulgados em variadas plataformas de mídia (emissoras de TV, redes sociais, mailing list, portais de notícias) chamando a atenção do eleitor para importantes temas que devem ser considerados às vésperas do pleito, considerando principalmente que pesquisas têm apontado para um alto índice de abstenções e de votos brancos e nulos nessas eleições.

O primeiro vídeo apresenta uma discussão sobre gestão pública e administração pública. Nas campanhas eleitorais, está na moda desdenhar as questões públicas e exaltar a gestão privada. O vídeo pondera que as coisas públicas, ao contrário de uma empresa, devem atender aos interesses de todas as pessoas e que um bom gestor de empresas pode ser um bom empresário, mas, não necessariamente, um bom servidor ou administrador público.

Criminalização da Política
A ideia da política como algo sujo, ruim, é uma das idiotices que visam a afastar os cidadãos da vida pública. Enquanto os cidadãos se afastam da vida pública, da participação cidadã ou dos processos eleitorais, alguns grupos e políticos interesseiros se apropriam dos bens públicos para benefício privado. Para superarmos a crise política atual precisamos de mais políticos tanto no exercício do poder, quanto nas várias instâncias de mobilização e na ação política do dia a dia.

Os direitos humanos são as bases das sociedades democráticas. Neste sentido, um dos vídeos questiona as estruturas de poder que, sistematicamente, violam os direitos humanos: não é fraterna e não respeita os direitos humanos uma sociedade em que se considera normal os ricos ganharem 36 vezes mais do que os pobres; onde 90% das famílias sem habitação adequada ganham até 3 salários mínimos por mês e onde quase 300 mil presos estão sem julgamento. O vídeo informa que direitos humanos não são privilégios. São todos os direitos e direitos de todos.

O papel da mídia nas eleições também é abordado na nova série do Nesp. Nem sempre é fácil perceber a manipulação que se multiplica em períodos de campanha eleitoral. Dizendo as coisas pela metade, os veículos de comunicação de massa valorizam aspectos secundários e fatos considerados inconvenientes são silenciados. Um mesmo acontecimento pode ser reinterpretado, distorcido ou tornado invisível. Nos meios de comunicação de massa, uma notícia falsa, sendo repetida, pode ser facilmente aceita como verdadeira e raramente é possível corrigir os danos criados por essa mentira.

O último vídeo da série alerta o eleitor para uma notícia falsa veiculada com muita intensidade em períodos eleitorais com o objetivo de afastar o cidadão do pleito. Motivadas por informações falsas, muitas pessoas pensam que votar nulo ou branco é uma forma de protesto e que se os votos nulos e brancos forem maioria, se pode anular uma eleição. O vídeo informa que nas eleições são considerados apenas os votos válidos e desconsideram-se os votos brancos e os nulos. Portanto, votar nulo ou votar branco é jogar o voto no lixo.

Sobre o Nesp

Fundado em 2005, o Núcleo de Estudos Sociopolíticos da PUC Minas e Arquidiocese de Belo Horizonte integra o Anima (Sistema Avançado de Formação da PUC Minas) e constitui-se em um núcleo de reflexão, debate, formação e produção de conteúdos orientadores para uma atuação social engajada na construção do bem comum e na promoção da justiça, da igualdade e da paz.

Atuando no âmbito do ensino, da pesquisa e da extensão e contemplando diferentes campos do conhecimento, o Nesp busca promover a conexão entre saberes acadêmicos e populares, com o objetivo central de auxiliar os participantes de grupos pastorais, movimentos eclesiais e outros coletivos populares no desenvolvimento de sua capacidade de leitura e compreensão pluridimensional da realidade brasileira.

Ao longo dos anos, de modo amplo e diversificado, com a pretensão de promover permanente reflexão sobre questões relevantes do mundo contemporâneo e a capacitação em conteúdos orientadores para uma atuação política de intervenção na realidade que vise à construção de uma ordem social democrática e solidária, o Nesp realiza eventos de formação tais como cursos, seminários e encontros, produz e publica livros, cartilhas, livretos, vídeos e textos eletrônicos, de acordo com o alcance formativo que se pretenda e os públicos a que se direcionam.

Mais informações:
www.nesp.pucminas.br
nesp@pucminas.br
telefone: (31) 3319-4978

Siga o Nesp das redes socias:

VEJA TAMBÉM
Salmo do Eleitor Cristão por Zé Vicente Senhor Deus, rei de todas as nações, estamos diante de mais uma eleição. É neste tempo que o teu santo nome sofre os maiores ultraje...